Adolescente é apreendido após assaltar mulher em Dourados

Foto: Sidnei Bronka

Um adolescente de 17 anos foi apreendido no final da manhã de ontem (5) acusado de roubar um aparelho de celular de uma mulher, de 52 anos, que fazia caminhada na Rua Olinda Pires de Almeida, na região da Vila Progresso, ao redor da Escola Franciscana Imaculada Conceição.

A ação para apreender o menor foi realizada em trabalho conjunto com policiais da Delegacia do Menor e lideranças de indígenas.

De acordo com informações repassadas à reportagem do Site Ligado na Notícia pela delegada Andreia Alves Pereira, o adolescente, que mora na aldeia Bororó, foi abordado por lideranças da localidade, já que ele estava com atitudes suspeitas. Ele estava carregando, dentro de uma mochila, um facão e um revólver de brinquedo. 

Na delegacia, o adolescente, que tem várias passagens pela polícia por roubo, confessou que havia assaltado a mulher naquele dia. 

Agora, o menor será investigado pelo SIG (Serviço de Investigação Geral) e por policiais da Delegacia do Menor para ver se ele participou de outros assaltos que aconteceram nas imediações da Vila Progresso.

Ele foi apreendido em flagrante e levado para a Unidade Educacional de Internação (Unei) masculina de Dourados.

O caso

Uma mulher de 52 anos foi assaltada na noite de domingo (4), por volta das 18h50, enquanto caminhava na Rua Olinda Pires de Almeida, na região da Vila Progresso, ao redor da Escola Franciscana Imaculada Conceição. 

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima relatou que estava caminhando, quando foi abordada pelo ladrão, que estava de bicicleta e armado, e ele mandou ela entregar o celular. Logo depois, ele fugiu com a aparelho.

Em seguida, a mulher procurou a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados e registrou o boletim de ocorrência.