MS tem 1.646 casos confirmados de coronavírus e Dourados assume como foco da pandemia

Número de casos cresce em forma ascendente e secretário apela por isolamento social

O boletim epidemiológico da Covid-19 desta terça-feira (2) trouxe 78 novas confirmações da doença em Mato Grosso do Sul, levando o total de casos para 1.646 confirmações em MS. Entre as informações, está que Dourados superou Campo Grande em número de casos.

O boletim aponta, ainda, que o Estado totaliza 12.866 notificações da doença, das quais 278 aguardam resultado no Lacen (Laboratório Central de MS) ou nos laboratório parceiros, 9.317 casos descartados e 20 óbitos.

Os novos 78 casos estão distribuídos em 15 municípios. São eles: Dourados (33), Vicentina (13), Corumbá (8), Campo Grande (5), Guia Lopes da Laguna (4), Ponta porã (4), Rio Brilhante (4), Chapadão do Sul (2), Água Clara (1), Costa Rica (1), Fátima do Sul (1), Jardim (1), Mundo Novo (1) e São Gabriel do Oeste (1).

A SEs retificou a notificação existente em Aquidauana após exame de contraprova resultar negativo para a doença. Desta forma, a Covid-19 está presente, atualmente, em 49 dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul.

“Espero que MS não faça opção pela morte, me parece que parte da população está escolhendo por esse caminho. O sofrimento de um paciente numa UTI é terrível, no mínimo 20 dias. Me parece que as nossas cobranças têm sido em vão. Se não houver isolamento, vamos experimentar, nos próximos dias, o mesmo quadro que em outras unidades de federação. O que acontece no norte e nordeste vai acontecer aqui se não nos prevenirmos”, declarou Resende.

Créditos: Guilherme Cavalcante/Midiamax